terça-feira, 26 de janeiro de 2010

De hoje

Dia de cansaço extremo. Depois de um fim de semana extenuante de emoções e trabalho, num mês extenuante de trabalho e emoções, começo a parar, não porque o trabalho ou as emoções tenham acabado, mas porque estou 'de todo'.

Tenho a sensação de que passei por uma erupção vulcânica ou por um tornado, tal é a reviravolta que me sinto a dar. Às vezes, sinto muitas mudanças, demasiadas, fico assustadiça. Noutras alturas, saudades de poder só sentar-me a conversar, de cabeça no ombro e mão na mão. Em alguns momentos até tenho medo de mim, tal é a vontade que tenho de agarrar a vida com as duas mãos.

Em momentos intensos, tenho alguma dificuldade em viver no equilíbrio e este não é excepção. Ainda não saí da montanha russa e ando à procura, com dificuldade, do meu ponto de equilíbrio. Aquele que virá com o tempo, com as conversas, com os acertos e desacertos, com as descobertas.

Há uns dias, a A. disse-me 'Vive!' e estou a tentar seguir o conselho. Mas conheço-me bem, sei que vou andar a recuar e a avançar durante algum tempo. Por agora vou-me deixando esperar. Vou sorrindo, vou brincando. Vou recomeçando. Mais passo atrás, mais passo à frente, a vida é uma dança que, apesar de algumas calcadelas, um dia sai harmoniosa.

8 comentários:

R. disse...

Vive.
Dança.
Sorri.
O equilíbrio chegará.
Bem devagar.
:)

R.

mf disse...

R.:
Eu sei. Sobretudo porque a tua mão me ajuda a equilibrar, neste arame fino.
:)

Beijo, meu Gato

volteface.book disse...

Já viste? Agora não podes gozar mais com os alfacinhas... isto toca a todos! :)

_aifos_ disse...

Tenho de voltar para ler mais um pouco!

Princesa Canela disse...

:)

mf disse...

volteface:
Eu não gozo com ninguém, ó cachopo, e ainda bem que toca a todos! :)

mf disse...

_aifos_:

Bem-vinda! Volta quando quiseres, a toca é para ser visitada. :)

mf disse...

Princesa Canela:
;)