sábado, 22 de novembro de 2008

Ai, se eu pudesse…


Diz-se, em inglês, que ‘still waters are deep’. Bem verdade, digo eu, quando aplicado a pessoas. Frequentemente descobrimos que pessoas aparentemente calmas e bem-dispostas são profundas, verdadeiros vulcões por dentro. Tu és assim. Se eu pudesse, hoje levava-te até junto destes dois faróis. Só para te mostrar que o mar, embora aparentemente calmo dentro da barra, não se deixa dominar pela mão de ninguém e encontra sempre forma de espraiar o que é como quer e onde quer… Se lhe apetece beijar a praia, fá-lo. Se lhe apetece rebentar de fúria, fá-lo. Vive saudável, porque vive o que é. Ele conhece bem o seu espaço…

4 comentários:

Ventania disse...

E de nada vale negarmos a essência do que somos, presos a medos ou hesitações. Não é fraqueza nem é força. É a verdade.

mf disse...

Sábias palavras, as tuas... :)

Carla Silva e Cunha disse...

parabens pela escolha da imagem, é uma bela paisagem

boa semana

carla

mf disse...

Bem vinda! Obrigada e boa semana também para ti... Volta sempre! :)