quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Mapa

Ando armada em heterónimo de mim mesma. Senão vejamos: aqui falo dos meus sentimentos, mais do que outra coisa qualquer. Noutros lados (a lista está aí à direita) deixo-me ser a amiga, a mão que auxilia, aquela que se ri a bandeiras despregadas, que brinca. Noutros lados ainda dou azo, nos comentários, à minha capacidade de argumentação (gosto de luta, é um facto, porque não há muitos que consigam acompanhar-me o pensamento). Hoje vou espraiar o meu pensamento por uma 'Prisão de palavras'. Encontram-me lá...

2 comentários:

Crest© disse...

Sempre que procurares luta, sabes onde estou... ahahahahah

mf disse...

Crest@:
A luta de que gosto é o exercício mental comigo mesma. O desafio de me superar, de conseguir reflectir e tirar as minhas próprias conclusões. Tu fazes-me ruminar, de outra forma que não a que encontras aqui no blog, e aprecio isso. Mas também te digo que só fico enquanto me sinto atraída pelo desafio de encontrar respostas. Quando o desafio não leva a lado nenhum, a não ser à competição, desinteresso-me.
Espero encontrar, no teu blog, o primeiro caso. Isso é filosofar e disso eu gosto. ;)